quinta-feira, 21 de abril de 2011

Imbé-gigante (Philodendron danteanum variegata)

           

           A forma típica e verde desse arbusto trepador é presença constante nos jardins tropicais. Já a variegada, mostrada nessa foto, é rara e cria contrastes interessantes no jardim.
           Nativo da floresta úmida da Venezuela, o imbê-gigante é um arbusto trepador ou rastejante que pode chegar a 6 m  de comprimento. As enormes folhas com até 90 cm de comprimento são coriáceas, longo-pecioladas, de margem ondulada e largo-crenada e, na espécie nativa, têm coloração verde-escuro brilhante e estão inseridas em ramos de grande diâmetro e muito ramificados.  Já na variedade variegada apresentam tons de amarelo e branco. As inflorescências tem uma espata verde na ponta e avermelhadas tanto na parte interna quanto externa.


           A espécie requer espaço amplo para se desenvolver e pode ser plantada próximo de lagos, árvores e grandes pedras. Fica muito bem subindo em troncos, mas seu crescimento deve ser contido em alguma vezes, pois é muito vigoroso.
           Vai bem tanto em sol pleno quanto em meia-sombra. Precisa de solo rico em
matéria orgânica, mantido úmido.


           Nessa foto, minha fiel governanta, Valdete, posa ao lado dele, que está plantado junto à um exemplar não variegado. 
           Pode ser cultivado em quase todo o Brasil, menos em regiões onde o inverno costuma ser rigoroso. Na quinta ele está plantado à beira do lago e começa a subir num tronco de Pinus num lugar de destaque, na entrada da ponte.
           A propagação é feita por meio da separação dos brotos laterais e estaquia de ramos.




3 comentários:

  1. Gostaria de saber qual o nome da folhagem que aparece na segunda foto, de folhas roxo-escuro.

    Obrigada,

    Adda

    ResponderExcluir
  2. Parabéns a Quinta do Brejo. O site esta maravilhoso! Eduardo e Murilo tem muito bom gosto. Nara.

    ResponderExcluir